Barbie muda mentalidades… e de silhueta!

A boneca que marcou a minha infância foi sem dúvida esta! Receber uma Barbie no Natal era como ganhar o Euromilhões nos anos 80, para uma miúda da minha idade (e para mim em particular)!

 

Sem sequer saber, este icon transmitia um modelo irrealista de perfeição, uma beleza inatingível. Cabelos longos, sapatos perfeitos (que trocava e perdia constantemente), pernas longas demais e tronco desproporcional… não há, nem houve mulheres assim!

Ao fim de 57 anos, depois lançamento da primeira boneca Barbie, a marca muda finalmente de mentalidade e evolui… evolui para a normalidade… para o realismo do que é ser mulher, ser feminina e de ter formas corporais! Por isso mesmo uma salva de palmas…

 

Ao fim deste tempo todo, parece que a Mattel ouviu as críticas tecidas relativamente à influência da sua silhueta irrealista para as jovens mentes dos milhões de crianças que brincam com a boneca mais famosa do mundo.
Assim sendo a Mattel ampliou a sua coleção e foi para além dos diferentes hobbies ou profissões… desta vez  poderemos encontrar diferentes tipos de corpos, com diferentes pesos, estaturas, formas e silhuetas.

Não somos todas iguais, mas mais do que isso, não devemos ter modelos de perfeição irrealistas! Basta de extremismos!

Segundo um estudo publicado pela revista Development Psychology, em 2006, meninas que brincavam com a boneca Barbie desde cedo na sua infância, demonstravam uma preocupação superior pela sua magreza e pela sua forma corporal, comparativamente a outras crianças que brincavam com outras bonecas.
Se por um lado não queremos crianças obesas e com excesso de peso, por outro não queremos entrar no polo oposto, com adolescentes anoréticas e ortóreticas.

 

 

Neste caso a Mattel e a Barbie estão de parabéns… talvez pudesse ter sido mais cedo… SIM! Mas antes tarde do que nunca!!!

 

Comentário

  • Anónimo

    Bom dia!Descobri hoje o seu blog e estou a gostar muito. Gostaria apenas de fazer um comentário sobre as Barbies: sempre adorei Barbies mas tive apenas duas, pois eram caras. Gostava da figura delas, altas e louras. Quando vi estas novas Barbies fiquei um pouquinho desiludida, não por serem morenas, mas por serem baixas…Ainda vejo um outro problema, as roupas não vão servir a todas..:)

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

×