Manteigas de frutos secos

 

As manteigas de frutos secos, ou melhor dizendo: as pastas de frutos secos, apesar de fazerem parte do consumo alimentar de países como  Canadá ou Estados Unidos já há bastante tempo, parecem agora começar a entrar também nas rotinas e a fazerem parte das listas de compras dos Portugueses.

Como canadiana que sou, mesmo vivendo em Portugal desde muito muito jovem, a manteiga de amendoim foi algo que nunca faltou no nosso repertório alimentar e ainda hoje, comendo, faz-me viajar até aos anos 80 com o saudosismo natural de quem saboreia a infância à colherada. Impressionante como sabores e cheiros nos fazem viajar no tempo!

 

A manteiga de amendoim é sem dúvida a mais conhecida, mas manteiga de amêndoa e manteiga de castanha de caju são também alguns dos exemplos que já conseguimos encontrar à venda, quer nos estabelecimentos comerciais quer por encomenda online, e que fazem a delicia de quem as adiciona a pequenos almoço ou lanches, adicionando a batidos, para barrar, untar ou até mesmo cozinhar.

 

Em termos nutricionais, apenas duas colheres de uma destas manteigas, são altamente energizante, ricas em proteínas de origem vegetal, em gorduras mono e polinsaturadas, benéficas e importantes para a saúde cardiovascular. Apresentam uma elevada quantidade de vitamina E, poderoso antioxidante que ajuda a reparar as células da pele e os tecidos do nosso organismo. São igualmente uma fonte natural de magnésio e potássio, bem como vitaminas importantes, essenciais para todos os processos químicos do nosso corpo.

 

Embora sejam ricas em calorias, este tipo de manteigas são também ricas em fibras e proteínas. Estes dois nutrientes conhecidos por promoverem a sensação de saciedade, mantém-nos longe da tentações e de comidas pouco saudáveis ou de petiscos constantes ao longo do dia. Como qualquer alimento, no equilíbrio  está o benefício e por isso se não exagerar no seu consumo conseguirá tirar o proveito do seu conteúdo nutricional, mantendo um peso saudável.

 

Aqui fica mais uma prova de que ao contrário do que se fazia até há pouco tempo, as mentalidades começam a mudar e torna-se um hábito dar mais valor à composição nutricional dos alimentos que ao seu valor calórico: “Não vale a pena contarem calorias, contem nutrientes!”

Este é sem dúvida um ingredientes que deveremos utilizar para uma vida ativa e exigente ou um ótimo aliado pré treino para nos fornecer a energia necessária para o melhor rendimento físico possível. Quem pretende o aumento de peso este também pode constituir um ótimo aliado, se utilizado em quantidades adequadas para o e feito. Apesar de pouco se falar, existem pessoas com baixo peso, e que sentem muita dificuldade em engordar, mesmo tentando alimentar-se corretamente.

 

É contudo importante chamar à atenção que quando comprar a sua manteiga de frutos secos deverá ler atentamente os rótulos nutricionais e verificar os ingredientes utilizados para a obtenção do produto final. Muitas marcas adicionam sal, açúcar e até mesmo óleo de palma. É importante procurar o mais natural e genuíno possível.

Fazer em casa é também uma alternativa, conseguindo controlar inteiramente os seus ingredientes e a qualidade dos mesmos. Em breve experimentarei cá em casa, parece-me bastante simples e claro, partilharei com todos.

Comentários

  • Semeando Saúde

    Muito bom!!! Gostei muito do blog e vou continuar acompanhando… Até mais!

  • Lilian Barros

    Que bom!!! Fico muito contente por saber… fique por aí e vá participando! Beijo

  • Carmen Maria

    Posso dar a uma criança de dois anos?

  • Célia Oliveira

    Não podemos utilizar bebida de soja?

  • katia jesus

    Amanhã vou comprar manteiga de amendoim para antes de me deitar fazer esta receita 🙂

  • Unknown

    Olá! gostei imenso do seu livro "Sopas, saladase chás detox"! Está a ajudar-me a perder peso e sinto-me lindamente.
    Faço há muito tempo a manteiga de amendoim – compro no supermecado amendoim crú (saquinhos de 200gr no continente…. vindos da China),e espalho no tabuleiro no forno, com sal. A 200ºC, 400gr, 8 minutos. Mexo e depois trituro muito bem no robot de cozinha. A partir de determinada altura, começa a ficar com a textuta pretendida!! beijinhos

    • Lilian Barros

      Fico verdadeiramente muito feliz por saber que está a gostar, por partilhar os seus resultados e receitas!!! 🙂
      Um beijinho muito grande e até breve!! 🙂

  • Claudia Jorge Mendes

    Ola bom dia, sei que este post já tem 1 ano mas é muito pertinente. A minha filhota tem 8 anos e tem 43 Kg, segundo a médica tem excesso de peso. Até ai tudo bem, mas a médica diz que ela não deve comer manteiga de amendoim. Inclusivamente disse-me, que por os americanos a comerem é que estão gordos. Qual é a sua opinião? Muito obrigada

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

×