Segundas SEM CARNE!

Já ouviu falar no movimento “segundas sem carne“?

Pois bem, este é um movimento global que começou há mais de uma década nos Estados Unidos e que conta actualmente com a participação de 24 países! Em Portugal o “segundas sem carne” foi lançado em 2011, com o objectivo de reduzir o consumo de carne em 15% e ganha cada vez mais adeptos.

A juntar a este movimento surge também o documentário “cowspiracy“que andou a criar veganos pelo mundo fora nos últimos tempos. Badalado no nosso país por João Manzarra, o apresentador tornou-se um exemplo na mudança de hábitos alimentares.

Mas Mazarra não é o único, pois são várias as pessoas que decidiram mudar a sua alimentação após terem visto o documentário. O lema é pela saúde, pela protecção dos animais e sobretudo para salvar o planeta!
Não nos ficava nada mal lutarmos por algo que é nosso! E realmente não custa nada.

No entanto, não sendo radical, sei perfeitamente que uma segunda-feira em que existe um maior consumo de produtos vegetais, de alimentos ricos em fibra, vitaminas e fitonutrientes só pode fazer-nos bem!

Assim sendo porque não adopta a moda e inicia a semana da melhor maneira? De uma forma mais saudável, aproveitando a desculpa para se “redimir” das eventuais fugas ao plano que normalmente existem durante o fim de semana?

Lanço o desafio… preparem os ingredientes já para esta segunda feira! E não se esqueça… eliminar a carne não é necessariamente passar fome ou substituir a refeição por uma ervilha e uma folha de alface! Descubra alimentos diferentes e atreva-se a ser mais saudável!

Eu já comecei a semana passada e partilho as minhas refeições no instagram @nutricionistalillian

Comentários

  • Ben Pires

    Vi o filme, achei espectacular. Mas não acho que seja um filme que promova o veganismo, (como muitos o promovem) mas sim, o erro de consumir exageradamente carnes e de como as grandes Organizações lucram com o consumo desmedido de carne, um filme que defende o nosso planeta portanto. O documentário critica as "segundas sem carne" como prática que serve pra descarga de consciência, pois não resolve estes problemas apontados, mas acho que esta iniciativa é um óptimo começo e deve servir para despoletar um consumo correcto associado ao nosso dia a dia.

  • Lilian Barros

    Concordo consigo Ben, mais do que alimentação saudável, vegetarianismo ou veganismo, trata-se de um movimento em defesa do planeta. A descarga de consciência não é aqui o objectivo, mas sim a descoberta de novos sabores que possam iniciar por uma segunda feira e, quem sabe, alargar-se a mais dias. Não sou fundamentalista, mas incentivo o maior consumo de produtos vegetais, a titulo pessoal, mas também no que concerne a minha profissão. Esta gama de produtos é muitas vezes negligenciado, por falta de tempo, de organização ou de predisposição para novas rotinas! É neste sentido que defendo a ideia!

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

×